Beleza

Sobre cabelos cacheados e estilo

cabelo-cacheado

Muitas pessoas me dizem que quem tem cabelo cacheado tem estilo, como se as duas coisas fossem sinônimas. Mas a raiz da planta “estilo” é bem mais profunda que meu bulbo capilar. Estamos acostumados a ver as flores e frutos e esquecer do tronco pra baixo.

Normalmente quando a palavra “estilo” é usada para descrever uma pessoa é por que ela ousa, usa e abusa. Não tem medo de usar óculos grandes e coloridos, tênis com saia mid, cabelos leves e despojados, terninho, saia de tule… Enfim, não tem medo de usar o que tem vontade, o que melhor expressa seu interior.

Por que essa atitude geralmente é associada a cabelos cacheados? Porque o processo de autoaceitação pelo qual a maioria das cacheadas teve que passar com as madeixas se alastra para todas as áreas de suas vidas! É um processo inconsciente de “ah já cortei Joãozinho por que não…?” “ah depois de tanta coisa que ouvi por ter cabelo crespo, o resto não é nada”.

Passar pela transição é como ser vacinada contra críticas inúteis. E perder o medo do que vão pensar é o primeiro passo para descobrir um jeito de se expressar próprio. É isso que chamam por aí de estilo.

Desprendimento, autenticidade, originalidade, saber o que quer ou não usar são coisas que independem de cabelos, cor, tamanho. Dependem de sair da caixa, olhar para dentro de si, ver seus defeitos e qualidades e então ver como deixar transparecer isso por meio do seu corpo.

É a força da raiz que alimenta todo o resto da árvore. Ter estilo é ser você independente de roupas. Por isso as pessoas olham duas vezes quando veem alguém estiloso. Singularidade é raro, mas é algo que todos deviam ter. E se uma pessoa tem, ela pode usar qualquer peça, ter qualquer tipo de cabelo, ser 36 ou 48, estará estilosa. Será estilosa.

Veja também

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: