Pesquisar

A REVISTA RADAR BLACK CHEGOU!

Eita que tem novidade quentíssima na área! A galera da Revista Radar Black entrou em contato comigo para apresentar esse projeto lindo que foi criado com muito amor e carinho! Eu fiquei super apaixonada e vim correndo contar pra vocês o que achei.

 

  • A REVISTA

Por que não uma revista feita por negros e para negros? SiM, um espaço com dicas de blogueiras, artistas, personalidades negras? Agora já temos uma, e nós queremos mostrar para você! Reunimos dicas de saúde, bem estar, beleza, moda e muito mais e foi assim nasceu a revista Black Beauty Radar.

 

  • O QUE ELES DIZEM?

É com grande alegria que vamos mostrar ao Brasil a revista Radar Black, que é uma continuação do BBR Post. Nossa página além da revista impressa, ‘Radar Black’, também terá uma versão digital para transmissão ainda maior. A revista já existe na versão francesa (distribuído na França, Bélgica e na África), agora ganhará a versão em português e será distribuída em todo o Brasil (e a digital no Brasil e Portugal). E o melhor de tudo é uma revista com fácil acesso, pois são 100% Gratuita e publicação bimestral!

 

  • O QUE EU ACHEI?

Vocês sabem que eu vivo falando e repetindo sobre a importância da REPRESENTATIVIDADE nas mídias né! Achei o projeto da Revista Radar Black muito rico e maravilhoso!

As colunistas falam pra gente de forma simples e muito atraente, elas “são a gente”, meninas que estão inseridas no nosso meio e que entendem o que sentimos e passamos. Blogueiras, youtubers, jornalistas, modelos, influenciadoras… mulheres que querem deixar registrado mais que dicas de beleza e estilo de vida, e compartilhar conosco experiências: discursos que precisam ser “ditos” e tabus que precisam ser quebrados.

O design da revista é bastante chamativo e colorido, as cores vão desde paletas com tons pastéis à cores super marcantes e contrastantes, com um layout bem pensado e divertido. Nem vou falar das fotos, porque né… estão maravilhosas!

As colunas são divididas em Entrevistas, Cabelo, Maquiagem e Estilo de Vida. Adorei as convidadas dessa edição. As divíssimas Eva Lima e Nanda Chaves que acompanho desde sempre também compartilharam um pouquinho de seus mundos, dentre outras lindas que adorei conhecer!

As dicas são bastante didáticas e fáceis de entender, tem até indicação de produtos pra cabelo, pele e maquiagem! Ficou tudo muito completo e bem feito!

Bom, se você ficou curioso é só correr aqui no link da Revista Radar Black e conferir tudinho. Vale muito a pena! Depois não esquece de passar aqui e me dizer o que acharam!

 

 

Finalização com volumão

Muita gente acha que cremes com ativos mais pesados e maior quantidade de óleos na composição, acabam com o volumão que muitas de nós amamos. Vim provar pra vocês que isso é um MITO. Tudo depende da maneira que finalizamos e da quantidade de produto que usamos. Hoje trouxe para vocês uma finalização rápida e prática para vocês se inspirarem.

O QUE EU USEI:

Escolhi o Creme para pentear Nutrição Repardora da Salon Line, que possui como ativos o óleo de coco, o D-Pantenol e a Bioceramidas. Ele é realmente mais pesadinho e oleoso, dá pra sentir no toque, mas meu cabelo amou demaaaais! (E olha que sou a louca do volumão!)

COMO EU FIZ:

Para garantir o visual juba de leão e ainda de quebra uma bela definição, utilizei uma quantidade moderada de produto (menos do que estou acostumada com produtos mais levinhos).

Fiz uma rápida fitagem, sem dividir muito e com movimentos mais rápidos. No fim, amassei bastante as pontas pra ajudar a definir os cachos.

O RESULTADO? Confira no vídeo! <3

Me sigam no instagram pra ficar por dentro de tudo que posto: @desventurasdeumacacheada

Empoderamento | Vai ter cacheadO sim!

É verdade que o empoderamento negro chegou, e ele não chegou só pras mulheres não! Os homens cada vez mais assumem seus cabelos, seja deixando crescer ou assumindo a textura original dos fios.

empoderamento-negro

Muitas pessoas acham que pra homem é mais fácil, mas eu, e você também, caro leitor, sabemos que não é bem assim. Também existe homem que faz BC (Big Chop), não foi o meu caso porque eu já vivia em um BC constante, mas também passei por um processo de aceitação. Durante muito tempo, depois que deixei a juba crescer, eu usei produtos redutores de volume e que tornam o cacho mais “solto”, isso por achar que cabelo cacheado bonito era unicamente cabelo padrão “anjinho”.

empoderamento-negro

Com o passar do tempo eu fui percebendo que eu não precisava me adequar a nenhum padrão, e que o meu cabelo precisava aparecer em sua real forma. Foi ai que a juba tomou forma. Quanto mais volume, melhor!

empoderamento-negro

Manos, o que importa é se sentir bem! Não faça nada por pressão ou por achar que é moda. Use o que te eleve a auto estima e que faça você descobrir o seu real estilo. Se for um black power bem pro alto que te faz sentir bem, pente garfo pra dentro! Se for definição o que te faz se sentir bonito, vamos lá, fitagem nele! Seja livre!

empoderamento-negro

Pra quem tá se perguntando, “Quem e esse cara?”, meu nome é Ivo Gama e tenho 21 anos, sou criador do Instablog Mano Urbano e novo colaborador do Desventuras!

Se quiser me acompanhar, aqui está o link do meu instablog: @manourbano